Um experimento de criatividade e imersão

Edição: Vitor Diel sobre texto da assessoria
Arte: Giovani Urio

Primeiro livro de LeiaseJella costura diferentes recursos narrativos e textuais para contar história sobre memórias pessoais

Segue até o dia 13 de fevereiro a campanha de financiamento coletivo para publicação do livro menina, estreia de LeiaseJella na literatura. A obra foi concebida como um trabalho de conclusão para um curso de graduação em Escrita Criativa com proposta de implementar e criar técnicas híbridas que expandissem a ilusão de realidade da história e tornassem a experiência de leitura ainda mais imersiva. Tal experimento exigiu um sem-fim de leituras prévias para construção de repertório e a diagramação de página a página do livro a fim de construir, na forma física, meios de entregar ao leitor a oportunidade de protagonismo.

menina conta a história de Mainê, protagonista que trabalha como revisora na redação do jornal de uma pequena cidade e busca pela oportunidade de integrar o corpo de jornalistas e redatores para trabalhar com a escrita. Após muitas tentativas frustradas, e uma dose enorme de insistência, ela recebe a oportunidade de escrever um especial para o jornal, cuja temática é a memória. Há apenas um requisito: o texto deve ser autobiográfico. Mainê não quer comprometer as suas memórias nem ingressar na jornada de rememorá-las e, por isso, decide criar uma interlocutora: menina. A jornada de criação desta personagem equivale à jornada de consciência e libertação de Mainê de seus traumas mais enraizados, culminando em um final em que menina e Mainê fundem-se na redenção da protagonista.

Reprodução

“Antes de ser um livro fechadinho, menina foi experimentação pura: um amontoado de páginas impressas, outro amontoado de papéis picados, um conjunto de livretos costurados em ordem aleatória e uma infinidade de rascunhos diferentes. Escrevê-la foi uma das trajetórias mais divertidas e estimulantes a que já me propus e, justamente por isso, eu não poderia deixar esses arquivos apenas dentro de pastas do computador”, explica a autora.

As categorias de contribuição da campanha iniciam em R$ 55 e entre as recompensas estão um fanzine sobre o processo criativo realizado em torno da obra, uma edição do jornal fictício no qual a protagonista trabalha, participação em uma oficina de escrita criativa com a autora, entre outras.

Para apoiar a publicação de menina, acesse este site (link externo).

Apoie Literatura RS

Ao apoiar mensalmente Literatura RS, você tem acesso a recompensas exclusivas e contribui com a cadeia produtiva do livro no Rio Grande do Sul.

Literatura RS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s