Erotismo e o escrutínio da subjetividade

Edição: Vitor Diel
Arte: Giovani Urio sobre reprodução

Ísis é uma mulher com mais de 50 anos que está confinada em seu apartamento desde março de 2020, quando a pandemia global é decretada pela Organização Mundial da Saúde. Para manter-se equilibrada, Ísis pratica meditação todos os dias, ouve música, lê muito, comunica-se com seus amigos pelo Skype e inicia um “Diário da Quarentena” no qual registra os acontecimentos noticiados pela mídia acerca da Covid-19; mas acima disso, projeta nele sua própria subjetividade em um período de isolamento social.

A vida da protagonista vai sendo descortinada pelo narrador, seu amigo de adolescência e escritor renomado. É ela quem lhe fornece subsídios sobre seus relacionamentos amorosos com homens mais jovens, de seus encontros fogosos, de suas preferências literárias, filosóficas e musicais, de suas viagens e do enfrentamento com a doença que a acometeu antes de sua aposentadoria.

As memórias de Ísis constroem um mosaico que representa uma parte do universo da mulher contemporânea, de sua consciência política e social, de sua posição em relação ao processo de envelhecimento e de seu papel no mundo. O sentido de amizade revelado nesta novela é a mola propulsora que leva o narrador a escrever sobre sua amiga, e o mito de Ísis e Osíris converte-se na alegoria subvertida para relatar sua última experiência de amor. O olhar estético de Ísis fecunda sua vida interior e intelectual e a eterniza na escritura do narrador.

Esta é a história de Hic et Nunc, novela erótica escrita por Muriel Onfale durante a pandemia do coronavírus. Com 90 páginas, a obra está disponível em e-book na Amazon.

Sobre a autora
Muriel Onfale é brasileira mas vive na Itália. Foi professora de antropologia por duas décadas. Publicou traduções, poemas e artigos acadêmicos. Hic et Nunc é sua primeira novela.

Hic et Nunc
Muriel Onfale
Novela erótica
90 p.
R$ 14,90
Amazon

Apoie Literatura RS

Ao apoiar mensalmente Literatura RS, você tem acesso a recompensas exclusivas e contribui com a cadeia produtiva do livro no Rio Grande do Sul.

Literatura RS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s