Muito além dos padrões

Livro retrata a diversidade de personalidades que enriquecem a adolescência

Edição: Vitor Diel sobre texto da assessoria
Arte: Giovani Urio sobre reprodução

Lucky, Luana, Paulo e Sandro são os protagonistas de A Turma do Rock, novela infantojuvenil que abre uma janela de compreensão sobre as infinitas possibilidades das existências dos adolescentes. “Na trama, os personagens são vistos como fora do padrão por serem diferentes. Mas diferentes do quê? Nesta fase da vida, os jovens costumam estar em busca de aceitação do grupo de referência e, para isso, procuram seguir os padrões ditados por este. Porém, os adolescentes deste livro não se encaixam em perfis padronizados. Cada um contribui com a sua diversidade”, explica a escritora gaúcha Miriam N. Dohrn. A Turma do Rock chega às estantes do Instituto Pegaí Leitura Grátis, com seis mil exemplares para disponibilização em Ponta Grossa e outras 14 cidades paranaenses.

Reprodução

“Formatei a trama para uma história curta e fiz ilustrações para a abertura dos capítulos. A ideia é despertar nestes jovens, aos poucos, o gosto pela leitura, a partir de textos mais enxutos, com ilustrações e temas mais próximos da realidade deles”, conta Miriam, que é também jornalista e mestre em Design. Em A Turma do Rock, os personagens têm características e modos de ser muito peculiares. Desde jovens introspectivos a desinibidos, adultos ranzinzas ou legais, com conflitos ou segredos, esquisitões ou não, todos compõem uma trama superdivertida.

Além da tiragem especial para o Instituro Pegaí, gratuitamente, o livro foi lançado como e-book na Amazon (link externo).

Este é o terceiro livro impresso pelo Instituto Pegaí em 2021, que tem a meta de chegar a cinco tiragens especiais até o final do ano para ampliação constante do acervo. Os exemplares são disponibilizados em 67 estantes espalhadas por Ponta Grossa e outras 14 cidades paranaenses, além do projeto Alimentando Mentes, um dos braços do Instituto Pegaí que acrescenta livros aos kits de alimentos distribuídos por escolas, igrejas e instituições.

“Fiquei encantada com a proposta do Pegaí de disponibilizar os livros em pontos pouco convencionais – fora de bibliotecas – para as pessoas poderem levar, ler e devolver”, revela Miriam. Assim que soube que poderia ceder os direitos autorais para que o Pegaí realizasse a impressão de uma tiragem própria, ela logo submeteu a obra ao Conselho Editorial do Instituto. “Fiquei muito feliz ao ser selecionada e poder contribuir com essa missão tão linda de incentivar a leitura. Poder fazer parte deste projeto é uma imensa honra. O Pegaí é tão incrível que deveria ser implementado em todo o país”, destaca a escritora.

Sobre a autora
Miriam N.Dohrn é jornalista, escritora e mestra em Design pela UFRGS. Já trabalhou em rádio, jornal, revista, mídias digitais e assessoria de comunicação. Sua paixão pela escrita e por contar histórias vem desde a infância. Ao longo de sua trajetória, participou de inúmeras oficinas literárias. Seu livro Detektis – Aprendiz de Detetive foi finalista do Prêmio Odisseia de Literatura Fantástica de 2019.

A Turma do Rock
Miriam N. Dohrn
34 p.
Instituto Pegaí

Apoie Literatura RS

Ao apoiar mensalmente Literatura RS, você tem acesso a recompensas exclusivas e contribui com a cadeia produtiva do livro no Rio Grande do Sul.

Literatura RS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s