José Felipe Ledur lança coletânea de contos bilíngue

Com prefácio de Alcy Cheuiche, obra tem lançamento no dia 30 de julho

Edição: Vitor Diel
Arte: Giovani Urio sobre reprodução

O escritor José Felipe Ledur lança Lembranças de Eufrásio. Apresentado em versão bilíngue português/alemão, com tradução de Irma Hoffmann, o livro é uma homenagem do autor ao idioma de seus ancestrais. Nascido na região colonial do Rio Grande do Sul, Ledur mergulha na sua infância e na sua adolescência para recriar fatos, personagens, ambientes, ações, através do protagonista Eufrásio.

No prefácio, o escritor Alcy Cheuiche observa a contribuição do autor: “Lembranças de Eufrásio é uma obra rara na literatura brasileira. São poucas as coletâneas de contos dedicadas aos descendentes dos imigrantes alemães que aqui chegaram a partir de 1824. Assim, quando nos narra o nascimento do personagem principal do livro, no conto Um parto no milharal (porque as mães trabalhavam na lavoura até o último momento), soa maravilhosa a frase dita pelo pai do menino: Este é o Eufrásio, o irmãozinho que a cegonha deixou com a mãe lá no outro lado do arroio.”

A partir desse conto, através da vida passada e presente de Eufrásio, o escritor nos transporta para a intimidade da sua casa, da sua aldeia, das dificuldades da família e dos vizinhos para sobreviverem em condições adversas.

O lançamento virtual acontece no dia 30 de julho, às 18 horas, no YouTube da Editora do Pampa (link externo). O autor José Felipe Ledur, o editor Daniel Miranda, o escritor e professor Alcy Cheuiche e a tradutora Irma Hoffmann participam de um debate sobre a obra. O título pode ser adquirido no site da editora (link externo).

Confira um fragmento abaixo:

Meu personagem Eufrásio

Meu personagem vive em casa centenária herdada de seus pais, descendentes de antigos colonos do interior do Estado do Rio Grande do Sul. O local ainda hoje é ermo, conhecido como Refúgio das Aves. Situa-se a alguns quilômetros do centro de antigo vilarejo, atualmente com população superior a de muitos municípios.

Eufrásio é pessoa ativa, apesar de ser considerado idoso de acordo com a lei. E é um atento observador. Conhece como ninguém os minifúndios das redondezas, hoje tomados por florestas, já que os filhos dos colonos, em sua maioria, foram trabalhar em fábricas da região ou na construção civil. Por ali há animais e aves silvestres, muitas delas vindas de outras regiões do país.

Entre os amigos, Eufrásio sente-se à vontade para contar muitas histórias, tanto de suas aventuras em viagens pelo país como a respeito de antigos e atuais moradores do vilarejo…

Sobre o autor
Natural de Bom Princípio/RS, José Felipe Ledur exerceu cargos de servidor público, juiz e desembargador na Justiça do Trabalho no período de 1980 a 2017. Mestre em Direito Público e Doutor em Direito do Estado. Livros publicados: A realização do direito ao trabalho e Direitos Fundamentais Sociais – efetivação no âmbito da democracia participativa. É vice-editor da Revista Científica da Escola Judicial do TRT4. Participou da coletânea de contos A Arte da Palavra (AGE, 2019)

Lembranças de Eufrásio
José Felipe Ledur
162 p.
R$ 40
Editora do Pampa
Compre aqui (link externo)

Apoie Literatura RS

Ao apoiar mensalmente Literatura RS, você tem acesso a recompensas exclusivas e contribui com a cadeia produtiva do livro no Rio Grande do Sul.

Literatura RS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s