Desamparos, infâncias e paralelos com Walter Benjamin

Ministrado por Ninfa Parreiras e Carolina Parreiras, curso analisa obras literárias contemporâneas para compreender como é representado o desamparo infantil e como palavras, imagens e brinquedos se prestam às metáforas

Edição: Vitor Diel sobre texto da assessoria
Arte: Giovani Urio sobre reprodução

Notícia boa para quem ainda não conseguiu adquirir o curso Desamparo, infância e literatura – Diálogo com a obra de Walter Benjamin: as inscrições foram prorrogadas. Promovido pelo Instituto de Leitura Quindim e ministrado pela escritora e psicanalista Ninfa Parreiras e pela antropóloga Carolina Parreiras, o curso, que ocorre de forma online, terá início no dia 4 de outubro. As demais aulas seguem nos dias 18 e 25 de outubro, e 8 e 22 de novembro, sempre às segundas-feiras, das 20h às 22h. Interessados devem fazer as inscrições neste site (link externo). As inscrições custam R$ 300.

Por meio de leituras dos textos do filósofo alemão Walter Benjamin, o curso irá analisar as obras literárias contemporâneas para compreender como é representado o desamparo infantil e como palavras, imagens e brinquedos podem servir de metáforas. Serão abordados temas como sociedade, cultura, brincadeira, subjetividade, ficção versus realidade e criação.

As aulas serão divididas nos seguintes módulos: Vida e obra de Walter Benjamin: sua relação com as artes, a filosofia, a cultura, a sociedade; O livro, o brinquedo, a narrativa, o rádio na obra de Walter Benjamin; O desamparo: uma leitura psicanalítica e sociológica; Como se apresenta o desamparo nas obras literárias em prosa e Como se apresenta o desamparo nas obras literárias em poesia.

“O desamparo, sentimento genuíno da humanidade, será pensado do ponto de vista afetivo e sociológico, com ampla leitura e discussões sobre obras literárias publicadas para a infância com reflexões filosóficas e psicanalíticas”, revela Ninfa

Sobre as ministrantes
Ninfa Parreiras é mineira, mas reside no Rio de Janeiro, onde se dedica a diferentes áreas que transitam entre literatura e psicanálise. Atua como professora, psicanalista e consultora de programas de leitura, além de ter mais de 10 obras publicadas para crianças e jovens e cinco ensaios para adultos sobre literatura e psicanálise. Tem textos publicados em revistas e jornais nacionais e internacionais. Durante duas décadas trabalhou na Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ). Também é Membro Psicanalista da Sociedade de Psicanálise Iracy Doyle, Rio de Janeiro.

Carolina Parreiras é graduada em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (2005), onde também cursou mestrado em Antropologia Social e doutorado em Ciências Sociais. Como parte do doutorado, foi uma das participantes do Summer Doctoral Programme, promovido anualmente pelo Oxford Internet Institute da Universidade de Oxford (Inglaterra).

Apoie Literatura RS

Ao apoiar mensalmente Literatura RS, você tem acesso a recompensas exclusivas e contribui com a cadeia produtiva do livro no Rio Grande do Sul.

Literatura RS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s