Conheça os vencedores do Prêmio AGES Livro do Ano

Edição: Vitor Diel
Arte: Giovani Urio sobre foto de Luis Ventura

Conhecidos na note de sábado, 10 de agosto, os vencedores das oito categorias do Prêmio AGES Livro do Ano encontraram-se no Centro Cultural CEEE Erico Verissimo, em Porto Alegre, em um evento conduzido por críticas à realidade política e social vivida pelo Brasil no momento. Escrita criativa para iniciantes, de Marcelo Spalding, da Editora Metamorfose, foi o grande vencedor da noite, conquistando a categoria não-ficção e o principal prêmio da noite, de Livro do Ano.

Entre os homenageados, dois autores fundamentais à literatura infantil do Rio Grande do Sul: Maria Dinorah, falecida em 2007 e primeira mulher a ocupar o posto de patrona da Feira do Livro de Porto Alegre, em 1989, e Caio Riter, que em 2019 completa 25 anos de carreira.

Os escritores premiados receberam um troféu criado pela artista plástica Lília Manfrói. Os vencedores foram escolhidos entre os associados da AGES, em votação encerrada no dia 5 de agosto. Confira-os abaixo.

Categoria infantil: Uma casa para dez, Caio Riter, Editora do Brasil

Categoria especial: Lendas do Sul, Simões Lopes Neto/ Paula Mastroberti (org.), IEL/ Editora da UFRGS

Não-ficção: Escrita criativa para iniciantes, Marcelo Spalding, Editora Metamorfose

Narrativa curta: Verão no fim do mundo, Luis Augusto Farinatti, Editora Modelo de Nuvem

Narrativa longa: Estela sem Deus, Jéferson Tenório, Editora Zouk

Crônica: Não existe mais dia seguinte, Vitor Necchi, Editora Taverna

Juvenil: Horas mortas, Antônio Schimeneck, Ama Livros

Poesia: Segue anexa minha sombra, Laís Chaffe, Editora Bestiário/Class

Os vencedores do Prêmio AGES 2019. Foto: Luis Ventura.

Sobre o Prêmio AGES
Criado em 2003, o prêmio é uma escolha de escritores para escritores em que todo o livro publicado no ano anterior à edição do prêmio pode ser indicado. Após a indicação dos finalistas por um júri técnico, os sócios escolhem os vencedores em cada uma das sete categorias: narrativa longa, narrativa curta, crônica, poesia, literatura juvenil, literatura infantil e não-ficção. O prêmio para o livro mais votado foi criado em 2015, na 13ª edição do Prêmio AGES, sendo que a obra vencedora foi Tomo conta do mundo, de Diana Corso.

Mais de 150 obras foram inscritas para o Prêmio AGES Livro do Ano 2019. O júri da primeira etapa, que analisou todos os livros homologados e indicou os finalistas, foi composto pela colunista de Literatura RS Ana Paula Cecato, Angela Rolla, Cristine Zancani, Isadora Dutra e Noia Kern.

Com informações da assessoria

Literatura RS

Uma resposta para “Conheça os vencedores do Prêmio AGES Livro do Ano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s