Divulgados os finalistas do ARL 2020

Edição: Vitor Diel sobre texto da assessoria
Arte: Giovani Urio

Foram divulgados no domingo, 22 de novembro, os livros e autores finalistas da quarta edição do Prêmio da Academia Rio-Grandense de Letras. Ao todo, foram 153 obras inscritas, sendo 24 para o prêmio de melhor livro de narrativa ficcional curta (conto ou miniconto) e 40 para narrativa longa. Para concorrer a melhor livro de literatura para a infância, foram 22 interessados e, para poesia, 37. A categoria melhor tese ou dissertação sobre literatura gaúcha recebeu cinco inscrições. E 25 inscritos para concorrer à nova categoria, a de melhor livro de crônicas.

Os vencedores serão conhecidos em cerimônia virtual que será realizada em 14 de dezembro de 2020, às 20h. Confira os finalistas abaixo.

Categoria Livro Infantil

  • O Baú dos Contos de Fadas – Maristela Scheuer Deves – Lorigraf
  • O Fantasma do Relógio – Athos Beuren – Avec Editora
  • Tarraveta – Daniel Cassol e Carla Pilla – Edição do Autor

Categoria Poesia

  • Apenas por nós Choramos – Anna Mariano – Penalux
  • Esconderijo da Nuvem – Carlos Nejar – Class
  • Nenhum Amor Igual ao meu – Álvaro Santi – Patuá

Categoria Narrativa curta

  • Como se Mata uma Ilha – Priscila Pasko – Zouk
  • Domanda Nísio – Emir Rossoni – Telucazu
  • Prosa Pequena – Amílcar Bettega – Zouk

Categoria Crônica

  • A Inveja Nossa de Cada Dia e Outras Reflexões Crônicas – Marta Leiria – Editora Metamorfose
  • A Porta do Chapéu – Celso Gutfreind – Editora Class
  • Navegador de Barco de Papel – Jorge Finatto – Edição do Autor

Categoria Romance

  • Berço de Judas – Jeferson Assumção – Taverna
  • Doze Lições – Daniela Kern – Class
  • Ilhados – Victor Hugo Rodrigues Vianna – Carnival

Categoria Tese ou dissertação

  • As Ironias de Dyonélio Machado Em “O Louco do Cati” – Jonas Kunzler Moreira Dornelles – Ufrgs
  • Continuidade e Presença: Os Limites Imprecisos Entre o Ser e o Espaço na Narrativa “Satolep” – Fábio Antônio Dias Leal – Uniritter
  • Produção e Recepção de Anália Vieria do Nascimento no “Almanaque de Lembranças Luso-brasileiro” (1871-1898) – Rebecca Demichelli Sampaio – UCS

Os troféus são de autoria do artista visual Lucas Strey. O autor escolhido pelos membros para receber o Troféu Academia Rio-Grandense de Letras – Escritor do Ano é Tabajara Ruas. Nas edições passadas foram homenageados Luis Fernando Verissimo, Armindo Trevisan e Maria Carpi. A ARL, fundada em 1901, é composta de 40 membros, eleitos por critérios de mérito literário e relevância na cena literária gaúcha. Sua sede preserva uma pinacoteca com obras doadas e uma biblioteca com livros de escritores do Estado, além de documentos de memória da instituição.

Apoie Literatura RS

Ao apoiar mensalmente Literatura RS, você tem acesso a recompensas exclusivas e contribui com a cadeia produtiva do livro no Rio Grande do Sul.

Literatura RS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s