Talento negro sem fronteiras

Novo livro do escritor e publicitário Alê Garcia celebra o protagonismo negro em diversos campos de atuação enquanto compartilha a história de vida do autor desde a infância em Porto Alegre

Edição: Vitor Diel
Arte: Giovani Urio sobre reprodução

Escritor finalista do Prêmio Jabuti, palestrante, apresentador do Omelete, um dos 20 creators negros mais inovadores do país segundo a Forbes, criador do podcast Negro da Semana — o gaúcho Alê Garcia reúne predicados e um currículo que evidenciam sua habilidade em muitas áreas de atuação. Seu esforço, porém, não surge esvaziado de passado ou das influências históricas que os talentos negros tiveram sobre sua vida. Esse exercício de consciência é reiterado agora com o livro Negros Gigantes, obra lançada oficialmente na Bienal do Livro de São Paulo deste ano.

Em Negros Gigantes, o autor apresenta o perfil de diversas personalidades negras mundiais que exerceram algum tipo de influência na cultura e que se destacaram em seus campos de trabalho. Lázaro Ramos, Elza Soares, Mano Brown, Spike Lee, James Baldwin, Leci Brandão, Martin Luther King, Chadwick Boseman e Emicida são alguns dos nomes celebrados em Negros Gigantes — obra em que esses perfis são relembrados ao mesmo tempo em que a história de vida do autor é revisitada com toda sua verdade: “O processo de escrita deste livro, não posso negar, foi mais doloroso do que imaginei. Pois foi um mergulho em lembranças duras demais, vividas por um Alê então criança. Afinal, qual a idade aceitável para um garoto negro descobrir que provoca aversão? Por isso, é preciso nunca esquecer a força que as narrativas têm”, comenta. “Este é o grande objetivo de estar lançando Negros Gigantes: as personalidades que me trouxeram até aqui. Revisitar a minha trajetória, apresentar a história daqueles que me impulsionaram — desde os meus dez anos de idade, até hoje — e registrar isso: para que estas histórias sejam motivadoras e potencializadoras de outras grandes histórias”, explica.

Negros Gigantes tem prefácio do romancista Paulo Scott e está disponível aqui (link externo). Confira abaixo um trecho:

Felizmente, na década de 1980 e nas seguintes, a comunidade da Restinga se organizou e se projetou para um lugar muito distante disso. Tornou-se uma das comunidades essencialmente negras mais importantes do Brasil. […] Reduto da resistência política, de líderes locais que influenciaram e influenciam as eleições municipais. Um exemplo de autossuficiência, empoderamento e evolução. E foi nesse lugar, entre livros, discos e amigos, que forjei parte fundamental de quem sou.” (p. 16 e 17)

Sobre o autor
Escritor, criador de conteúdo, palestrante, apresentador e publicitário, Alê Garcia é um dos 20 creators negros mais inovadores do país, segundo a revista Forbes. Com seu livro de estreia, A sordidez das pequenas coisas, foi finalista do Prêmio Jabuti, em 2011, e um dos vencedores do Prêmio Fundação Biblioteca Nacional. É criador do podcast Negro da Semana e de um canal no YouTube focado em cultura negra, apresentando em ambos a trajetória de grandes personalidades, momentos históricos e produções do cinema, séries, literatura e música. Em 2021, lançou o podcast Drive Your Funky Soul, narrativa em doze episódios sobre a black music, e a plataforma de cultura negra casablack. No mesmo ano, também co-criou, roteirizou e dirigiu o Prêmio Potências!, com a agência Mynd, para exaltar grandes realizadores negros.

Negros Gigantes
Alê Garcia
288 p.
Editora Latitude
R$ 64,90
Compre aqui (link externo)

Apoie Literatura RS

Ao apoiar mensalmente Literatura RS, você tem acesso a recompensas exclusivas e contribui com a cadeia produtiva do livro no Rio Grande do Sul.

Literatura RS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s