Renata Wolff estreia na poesia

Manhattan Lado B’ descreve vivências da autora em Nova York

Edição: Vitor Diel sobre texto da assessoria
Arte: Giovani Urio sobre foto de Tania Morais

A escritora Renata Wolff lança na 67ª Feira do Livro de Porto Alegre o livro de poesia Manhattan Lado B. A sessão de autógrafos acontece no dia 3 de novembro, às 19 horas.

Os poemas desta coleção escutam Nova York em suas vastidões e minúcias, brilhos e despejos, claros e sombras. Os versos recolhem histórias, conversas, melodias, silêncios, crimes e ausências, e não se limitam à metrópole: lançam sobre si mesmos um olhar de outsider e, ao desvendar a cidade, desvendam as trilhas de dentro como as trilhas de fora. Um diário falso de viagem, um passeio sem mapa, uma sinfonia dissonante, uma fita tocada ao reverso: poesia, enfim.

No texto de apresentação, o poeta e professor Diego Grando coloca: “Renata Wolff acerta a mão nesta sua estreia na poesia. O ato de colher e entrelaçar as várias vozes que circulam pela cidade tem sua origem na capacidade de escuta da poeta, como percepção aguçada de tons e timbres das falas e dos silêncios, mas também como olhar sensível e empático a fisionomias e gestos, a elementos urbanísticos e arquitetônicos, a relações de dominação e estigmatização. Renata aceitou os riscos – como os funâmbulos que povoam nosso imaginário em p&b andando entre arranha-céus – e encontrou um equilíbrio incomum, difícil de ser conseguido, entre voz pessoal e polifonia, contemplação e olhar crítico, experiência efêmera e atemporalidade.”

Seu local de residência, ainda que por um breve período, a metrópole tornou-se uma experiência: sensorial, histórica, artística, sociológica, existencial e humana. Ou seja, única. É por aí que se chega em Manhattan Lado B: “A Nova York que vivi”, diz um dos poemas, “é propriedade minha”.

A autora explica que o livro é fruto de duas viagens feitas a Nova York para cursos de escrita criativa, em janeiro de 2017 e janeiro de 2019. “Foram experiências muito particulares, por me deparar pela primeira vez com aquela distância de casa, como estar sozinha sendo a única brasileira dos cursos, em uma cidade daquelas dimensões e tantas vezes imaginada e percebida pelo filtro imagético de filmes e séries. E todo esse deslocamento propiciou um estado constante de descoberta e a expressão disso se traduziu numa voz poética e na produção do conjunto de poemas de Manhattan Lado B, que pretende, ao menos, tentar capturar alguns caminhos desvendados externamente pela cidade e intimamente (pelos efeitos que a metrópole provoca na subjetividade de quem mergulha nela como eu fiz, embora por períodos breves). Também traço alguns paralelos sobre questões sociopolíticas que acabaram aproximando bastante o Brasil e os Estados Unidos nos últimos anos”, declara.

Confira abaixo o poema que abre o livro.

Banca de jornais

Atrás do balcão
A garota (negra)

Diante do balcão
O homem (branco)
Moedas de prata
Jogadas ao piso
Ele dá as costas
E sai em silêncio
Tem pressa o senhor
Têm pressa os trens
Ninguém se detém
A Grand Central não para
Cai a noite na 42nd Street
Por sobre o teto de falsas constelações
E ainda gira brilhante no solo o quarto de dólar
Motherfucker, I ain’t picking that fucking thing up

Sobre a autora
Renata Wolff é escritora de Porto Alegre e doutoranda em escrita criativa na PUCRS. Participou de coletâneas e teve contos selecionados e premiados em concursos (entre eles, o primeiro lugar no Prêmio SESC de contos, em 2016). É autora do livro de contos Fim de Festa (Dublinense, 2015), finalista dos prêmios AGES e Jabuti. Manhattan Lado B é sua estreia na poesia.

Manhattan Lado B
Renata Wolff
78 p.
R$ 39
Editora Metamorfose
Compre aqui (link externo)

Apoie Literatura RS

Ao apoiar mensalmente Literatura RS, você tem acesso a recompensas exclusivas e contribui com a cadeia produtiva do livro no Rio Grande do Sul.

Literatura RS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s